Voltar a Home do Gerentes Gerentes - Adicione aos favoritos Siga: Gerentes no Facebook Gerentes no Twitter Gerentes no Linkedin Gerentes no Google Plus Cadastre-se no Gerentes Cadastre-se

O conteúdo desta página requer a nova versão do adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Compartilhe

seu nome:

seu e-mail:

nome do seu amigo:

e-mail do seu amigo:

Comentário:

Gestão sob pressão
Por Robson Pires

23 de Abril de 2012

Definitivamente nunca fui um cara com inspirações militares. Toda minha vida os conceitos e dogmas ligados mais fortemente a doutrina do exército estiveram muito longe dos meus valores.
Definitivamente nunca fui um cara com inspirações militares. Toda minha vida os conceitos e dogmas ligados mais fortemente a doutrina do exército estiveram muito longe dos meus valores. 

Definitivamente nunca fui um cara com inspirações militares. Toda minha vida os conceitos e dogmas ligados mais fortemente a doutrina do exército estiveram muito longe dos meus valores. Minha paixão na infância pelos revolucionários farroupilhas, que tentaram separar o Rio Grande do Sul do restante do País, a admiração aos movimentos estudantis contra o golpe militar e das diretas já, minha formação humanística na literatura e cinema e até a escolha do curso de jornalismo ao entrar na faculdade mostram claramente as controvérsias que me transbordaram ao estar inscrito em um curso de "Gestão sob Pressão", comandado por ex-participantes do Batalhão de Operações Policiais Especiais do RJ, muito conhecido como BOPE em todo o Brasil após o sucesso estrondoso dos filmes Tropa de Elite um e dois.



Gerente - ArtigoEu que nunca tinha passado nem na porta de um quartel, que tive a ajuda de um amigo de meu Pai para "escapar " do serviço militar com uma suposta doença respiratória, tudo para preservar o cabelo comprido e os ideais revolucionários , 25 anos depois me apresentava voluntariamente para um curso de liderança, contra tudo aquilo que havia fugido durante toda a minha vida, é, a foto de cima prova, o tempo passa....

Já faço Gestão direta de pessoas há pelo menos 18 anos, durante todo este tempo sempre achei que liderança se conquista, nunca se impõe, e neste curso percebi que meus preceitos estavam exatamente certos. Imposição pode durar um ou dois momentos, nos seguintes só o respeito e a admiração pela liderança levam o "batalhão" para o caminho certo. Foi extremamente importante perceber isto nas primeiras horas do curso, só assim me senti aberto e livre para absorver tudo que poderia vir...

E muitos foram os exercícios e ensinamentos durante a semana de curso. Tento nos próximos parágrafos passar um pouquinho dos meus sentimentos e aprendizados, peço desculpas se for repetitivo em alguns momentos, pois os conceitos são fortes e recorrentes.



Subida à Favela da Rocinha

Gerente - bope - Gerentes - Artigo Dinâmica de vivência de contrastes e pressão do ambiente. Para se ter ideia do que é pretendido no curso, a atividade imediatamente anterior à "visita" foi um almoço no Barra Shopping, centro de compras classe A na zona sul carioca.

Nem é preciso dizer o tamanho das diferenças encontradas, apesar do morro estar sendo "preparado" para a implantação de mais uma UPP ( Unidade de Policia Pacificadora) , ainda é nítida a tensão " no ar " do lugar. Ainda ninguém sobe sem autorização, ninguém sobe em grupo sem ser "filmado" de perto por pares e mais pares de olhos atentos, ninguém sobe sem a pressão de estar de coleto a prova de balas, ainda que seja do modelo mais levinho...

A lição é entender o ponto dos dois mundos, pois pode ter certeza, naquele subir, ninguém está livre da tensão, da pressão. Quem sobe e quem vê, estão atentos e ligados, qualquer faísca é fogo, devemos saber nosso papel. Entendido isto, tudo fica mais fácil, mais leve, mais palatável.



Competição de remo na Lagoa Rodrigo de Freitas

Oito com, ida e volta nas extremidades laterais, oito remadores em cada equipe, A e B, e um timoneiro em cada lado , que vão gritando palavras de comando. É claro que em um exercício como este a integração das pessoas, a entrega, coordenação e trabalho de equipe são lições obvias, mas a mais relevante de todas as lições você só percebe no final.

Minha equipe foi a B e a vencedora da etapa, meu orgulho só diminuiu quando depois, ficamos sabendo que em 100% das competições a Equipe B vence a A, na voltado percurso, independente da vantagem que a equipe A tinha na chegada da primeira etapa. Sim também ficamos sabendo que em 100% das vezes a equipe A termina a primeira etapa na frente da B.
Então, qual o segredo da superação de B sobre A no segundo trecho?

Só tem uma diferença, ficamos sabendo depois. Na primeira perna a equipe A ouve comando de incentivos sempre positivos: "vamos remem, vocês são capazes ";

"são fortes "; " são vencedores". Na segunda parte ouvem comandos provocativos negativos que afundam a dinâmica do grupo: "por que pararam fracotes? "; " estão remando como meninas";" vão perder";" vocês foram criados pelas avós ?"

Agora já ficou claro que na equipe B é exatamente o oposto, e por isso a superação e vitória finais.



Visita ao Quartel do BOPE

Aqui nada de muito surpreendente, apenas uma visão rápida de como a polícia de elite do Brasil é preparada.

Observa-se muito um comando forte, disciplina as regras e ao planejamento, respeito a hierarquia. Mas o respeito por admiração, por inspiração e ambição de amanhã estar ali no “gerenciamento", nunca por imposição.

Não vi policiais submissos, mas sim com coragem na postura, olhar de vencedor, visão de quem tem de matar um leão por dia.

Vê-los com garra, força e energia no campo de provas, só fortaleceu a ideia de como devemos estar preparados para as dificuldades do dia-a-dia.



Exercício de sobrevivência na Floresta da Tijuca

lideranca - portal gentes artigoNa chegada à Floresta da Tijuca (já à tarde ) fomos levados a uma área onde fomos apresentados a um minicampo de provas, muito semelhante ao visto no quartel do BOPE, com lama, cordas, pneus , obstáculos, rapel, etc...

O primeiro sentimento após lembrar a performance dos policiais é imediato, agora fu......., não estamos preparados , não somos capazes.

Mas a lição da lagoa volta forte, com superação, dedicação, garra e entrega , é possível. Os obstáculos são superados, um a um, e você se sente cada vez mais forte, mais capaz. É claro que a dor de algumas quedas e trombadas te lembram de que você não é o Homem de Ferro. Já são mais de cinco horas da tarde, a última refeição tinha sido as 13hs, o corpo pedia energia e pausa.

Querem descansar? Montem o acampamento! Querem comer e beber? Procurem! Tudo o que precisam está em um raio de 800 metros, vocês tem 2 horas antes do anoitecer. Aqui a lição é clara, simples e objetiva, se não houver planejamento, estratégia e se estar preparado para usar a criatividade e poucos recursos, nada acontece.

gestao - gerentes - Artigo Depois de escolhermos um líder, separamos os grupos, nos ambientamos (camuflamos), e partimos com a mente aberta ao improviso e desapego.

Na volta, colocamos todos os recursos encontrados juntos e com um pouco de incentivo dos instrutores foram surgindo tudo que era necessário e essencial para a noite.

Em pouco mais de 2 horas tínhamos um acampamento com redes de lonas de caminhão, panelas de lata de tinta, cobertores de traçados de folhas, utensílios de cozinha de ossos e madeira e alguns ingredientes que viraram a refeição de quem não teve "nojinho" e teve motivação e fome suficientes. Eu estava varado...



gerenteste - bope - gerentesRaízes e folhas desconhecidas viraram um caldo quente, grosso e verde, nossa entrada. Larvas de frutas caídas e apodrecidas foi o prato principal e pacotes de macarrão japonês incolor foram hidratados com gelo (de um caminhão abandonado) para virar nossa sobremesa gelada. Quer beber? Chupa gelo!






Gerente - Bope - Gestao sob pressaoAs lições pululavam: criatividade para trabalhar com poucos recursos, superação de suas limitações, acabar com as barreiras do preconceito e do desconhecido, permitir-se experimentar...



Salvamento no Mar

Última tarde do curso, vamos fazer um salvamento no mar, ambiente hostil, inesperado, uma lancha com 5 pessoas desesperadas está á deriva.

Precisam de um comandante. Sou o primeiro e único a levantar o braço. O que eu bebi?
Primeira lição não entre na pressão do momento, pare e planeje, claro, rapidamente, a situação urge. Cada um tem de saber seu papel exato e o comando deve ser claro , dar as ações alto e firmemente, mudar a estratégia se necessário, agir se for preciso.

Última atividade prática, todos tão unidos, integrados, ligados, e nem preciso dizer da satisfação de missão 100% cumprida, palavras me faltam, a emoção é indescritível.



Cereja no Bolo, palestra com Rodrigo Pimentel

É muito gratificante ouvir da boca da inspiração viva do Capitão Nascimento a reafirmação das lições dos melhores gestores que já tive:

Respeito às pessoas, incentivo, motivação, treinamento, dedicação, discernimento, raciocínio, planejamento, estratégia, criatividade, disciplina, Trabalho em equipe, coragem, desafios, comando, a pressão boa, a pressão positiva, controle da mão, saber que todos nós temos nossos limites, mas que eles podem ser desafiados com muito cuidado e atenção.

Depois de uma semana intensa a certeza de que aprendi muitas coisas no curso, mas a mais importante foi, sem dúvida, acreditar sempre em mim, com um objetivo claro, uma estratégia definida, atenção, disciplina, raciocínio, alerta, conhecimento e motivação, nada me supera e com certeza eu vou chegar lá!

Nós podemos!!!

Robson Pires

Compartilhe

Outros artigos de Robson Pires

Nome:
E-mail:
COMENTÁRIO:
Alexandre Leão Postado em 24/04/2012
Sensacional a experiência ainda mais quando fazemos um paralelo com nossa atividades diárias, precisamos desta receita para nao nos tornarmos pessoas de resultados medíocres no âmbito pessoal e profissional. Tudo a ver com desejo de vitoria, estratégia bem definida e ca

Nome:
E-mail:
RESPOSTA:
Robson Pires Postado em 25/04/2012
Valeu Leão, realmente 100%aplicável em nossas vidas pessoais e profissional. Abração
Daniel Brun Postado em 24/04/2012
Show...muito bom o texto...Caveiraaaaaaaaaa.....

Nome:
E-mail:
RESPOSTA:
Robson Pires Postado em 26/04/2012
" tamô junto " Dadá. Caveeeeiraaaaaaaaaaaa.....

+ Publicidade

Assine a NewsLetter do Gerentes e fique atualizado com o melhor conteúdo de Gestão da WEB

Fique atualizado!
Receba nossos artigos por e-mail!

Digite seu e-mail:

+ Ultimos Artigos

11/11/2013 - COMO REEQUILIBRAR O MERCADO...

05/11/2013 - Como Lidar com Tanta...

14/10/2013 - Que Futuro aguarda o...

14/10/2013 - Brasileiros made in China...

14/10/2013 - Festa de confraternização...

14/10/2013 - Começar a trabalhar...

14/10/2013 - Proxis Anuncia Nova Diretora...

26/09/2013 - O que influencia o comportamento...

23/09/2013 - Os Cinco T´s dos Eventos...

02/09/2013 - Assessoria de imprensa:...

22/08/2013 - Estamos em crise?...

02/08/2013 - Larguei emprego para...

28/06/2013 - Consumidor e Serviços...

22/06/2013 - Diga não ao derrotismo...

19/06/2013 - O capitalismo não é...

SOBRE NÓS

Acreditamos que com esses 2 elementos todo líder deve obter o sucesso mais rápido e mais consistente! E sua visita aqui é importante por isso. Nosso objetivo secundário é disseminar a discussão entre gestores de todos os segmentos, ouvir, criar e ainda assim ser um link entre você e sua carreira. Acreditamos no café do corredor, no bom humor, no almoço de negócios, feedbacks e reuniões que durem menos 15 minutos.